Menina de 8 anos agora acumula seguidores no Twitter e Youtube após vender seus desenhos em sua loja virtual.

Cada vez mais crianças se aventuram no mundo virtual, a chamada geração digital, de meninos e meninas entre 6 e 11 anos já dominam não só os jogos, mas também buscam empreender online. É o caso da Renatinha, que há dois anos criou com ajuda da sua mãe a loja virtual Desenhos Re, hospedada na Loja Integrada, plataforma de lojas virtuais mais popular do Brasil. De lá pra cá, a garota que desenhava antes mesmo de começar a falar, já vendeu cerca de 300 ilustrações e quer muito mais. “A Renata está o tempo todo criando, inventando. Ela é uma empreendedora nata”, conta Raquel Barrios, mãe da garota, que tem apenas 8 anos. Com o dinheiro dos desenhos vendidos na loja virtual Desenhos Re, a mãe, que se orgulha da filha empreendedora, conta que comprou um tablet e muitos ursinhos de pelúcia, uma das fontes de inspiração da artista mirim.

Youtuber mirim
Agora que a menina está crescendo, ela quer virar uma “youtuber famosa” e, “determinada”, vai atrás do que quer, tanto que “criou, recentemente, perfis em algumas redes sociais. A Renata faz tudo sozinha, da descrição aos posts. Eu só supervisiono”, explica a mãe.

Ensinando outras crianças
Segundo a mãe, a proatividade da menina é tanta que Renatinha “digitalizou” sua turma na escola, apresentando recursos desconhecidos pelas crianças até então. “Nos mudamos de São Caetano para o interior de São Paulo e a Re, além de desenhar, gosta muito de jogos virtuais e tecnologia também. Quando ela chegou na escola, os amiguinhos não tinham esse costume. Outro dia a professora me contou que ela digitalizou a turma, fez uma revolução na sala de aula”. Para o diretor da Loja Integrada e especialista em comércio eletrônico, Adriano Caetano, “a receita de sucesso da pequena empreendedora é o amor pelo que ela faz, que é desenhar. Quando você monta um negócio e não está necessariamente preocupado com o resultado financeiro desse negócio, mas gosta do que faz, as coisas acontecem”.